A Banda da Semana: Green Day

Pois é, como eu ultimamente tenho postado umas bandas que são o estilo bem clássico, como Jimi Hendrix, Creedence, Robert Johnson, mestres do rock que foram a inspiração de muitas das bandas de hoje em dia., vou falar hoje de uma banda um pouco mais atual.

Começando então por uma banda que seu sucesso segue desde os anos 90 e acredito que foi também uma das inspirações para as bandas de hoje em dia, estou falando do trio que em 90 ficou famoso pelo som pesado que fazia como banda Punk da época e logo se rendeu á mídia se tornando uma das bandas mais punk pop rock que existe. Sem rótulos sabemos que depois de alguns anos o peso de Green Day cedeu, dando espaço para músicas de apologia a política e direitos humanos e depois finalmente voltando para o lado punk como era antes então vamos ver um pouco a história dessa banda com vários picos de maturidade e estilo.

O Começo:

A banda formada pelo conhecido e polêmico Billie Joe Armstrong e Mike Dirnt começou em 1987 com o nome de Sweet Children, os dois se conheceram quando tinham 10 anos e criaram um vínculo forte de amizade tanto que quando Mike completou 15 anos de idade se mudou para a casa de Billie.

O  seu primeiro show foi exatamente no mesmo local onde a mãe de Billie trabalhava, o Rod’s Hickory Pit, em 1988 a banda começou a trabahar com Al Sobrate, que ficou responsável para marcar show da banda e etc, agindo como empresário bem dizer e como baterista na banda.

Durante um show eles  chamaram a atenção de Lerry Livemore, dono da Lookout Records com quem assinaram um contrato se tornando rapidamente um dos sucessos da gravadora e gravando os primeiro EP, o 1,000 hours. 

O Nome:

Um pouco antes da banda lançar o primeiro EP, segundo Livemore disse que seria uma boa ideia mudar o nome da banda para não haver problemas com a banda local que se chamava Sweet Baby, sendo assim mudaram para Green Day.
O significado de Green Day é bem simples e bastante sugestivo, era uma gíria muito usada na época que significava deixar as obrigações de lado como aula e trabalho para ficar o dia inteiro fumando maconha.

Formação Final:

Após lançamentos de LP’s e EP’s, Green Day lança seu primeiro álbum o 1,039/Smoothed Out Slappy Hours, após a turnê o baterista Al Sobrate abandona a banda para cursar a faculdade após uma breve substituição quem ocupa o lugar das baquetas na banda é Tré Cool, que havia ajudado o Al Sobrante em algumas ocasiões quando estava no Green Day. Com Tré Cool a formação que dura até hoje estava completa e lançaram o segundo albúm, o Kerplunk.

Sucesso, perda de popularidade e renovação:

O Kerplunk foi a isca para chamar atenção da mídia, graças a ele o Green Day conseguiu chamar a atenção de muitas gravadoras logo assinando com a Reprise Records onde lançou seus álbuns de maiores sucessos como Dookie e Insomniac onde músicas como “Basket Case”, “When I Come Around” “Longview’ do álbum Dookie e “Geek Stink Breath”, “Brain Stew/Jaded”, “Walking Contradiction” e “Stuck with Me” do álbum Insomniac fizeram um tremendo sucesso fazendo o Green Day se tornar uma banda muito conhecida ganhando vários prêmios por esses álbuns.

Em 1997 a banda junto com o produtor Cavallo resolvem que o próximo álbum deve ser diferente dos outros dando então resultado ao álbum Nimrod de punk rock a banda pula para o Pop e suas variações como, Pop Rock, Pop Punk e Ska. Após isso seguindo a mesma linha de Nimrod é lançado o álbum Warning com uma diferença na maioria das músicas, o forte apelo para meios da política e etc, onde foi que a banda acabou perdendo sua popularidade.

Após outros trabalhos alternativos a banda volta em 21 de setembro de 2004 com o álbum American Idiot que se tornou um sucesso comercial da banda, seguindo a base de Warning com apelo ao lado político mas também trazendo um clima mais sombrio para banda, com músicas pesadas e que conseguiram re-conquistar os fãs se tornando uma banda cada vez mais notável no meio Rock.

Hoje em dia… 

Recentemente o Green Day lançou o álbum 21st Century Breakdown que foi um sucesso estrondoso recebendo ótimas críticas e se tornando o álbum de maior sucesso da banda apesar de que pra mim American Idiot tenha marcado muito mais. Porém esse último álbum pode ganhar muita visibilidade por causa das músicas Know Your Enemy e 21 Guns, músicas fortes que realmente fazem a banda voltar ao lado mais Punk que possuíam.
No dia 20 de Abril de 2010, American Idiot: O Musical estreou na Broadway e Green Day lançou o álbum intitulado American Idiot: The Original Broadway Cast Recording. No álbum há, também, uma canção nova, intitulada “When It’s Time”.

Anúncios

10 comentários sobre “A Banda da Semana: Green Day

  1. Cara eu amo!! muito o Green Day eles são bem polêmicos e não tem medo de ser eles mesmo isso é o que eu mais curto na banda, alem de músicas perfeitas mais quietas e outras mais agitadas, eu amei o seu texto sobre a banda,foi muito bem escrito e original,continue assim! parabéns! =D

  2. pow..gostava ++ do green day agora eles nem tão ++ punk rock tão bem fracoss…eles devem voltar a ser uma banda ++ punk

Obrigada por comentar :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s